Dissertação de Mestrado:
Análise de Viabilidade Técnica e Econômica da Geração de Energia Através do Biogás de Lixo em Aterros Sanitários

Fábio Viana de Abreu

PPGEM
Orientador
Prof. Manoel Antônio Da Fonseca Costa Filho , D.Sc., COPPE/UFRJ - Brasil - Currículo LattesInformação Academica
Coorientador
Prof. Mauro Carlos Lopes Souza
Banca
* Prof. Manoel Antônio Da Fonseca Costa Filho , D.Sc., COPPE/UFRJ - Brasil - Currículo LattesInformação Academica
* Prof. Mauro carlos Lopes Souza, DSc. PPGEM/FEN/UERJ
* Profa. Mila Rosendahl Avelino , DsC Coppe(Brasil), PósDoc Miami(EUA) - Currículo LattesInformação Academica
* Prof. Luiz Pinguelli Rosa, DSc. PPE - COPPE/UFRJ
* Prof. José da Rocha Miranda Pontes, DSc.
* COPPE/UFRJ
Data - hora da defesa
23/11/2009
Resumo
ABREU, Fábio Viana. Análise de Viabilidade Técnica e Econômica para Geração da Energia Através do Biogás de Lixo em Aterros Sanitários 2009. 179 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Mecânica) – Faculdade de Engenharia, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2009. A geração de energia a partir do biogás do lixo em aterros sanitários é uma maneira de produzir energia elétrica renovável e limpa, reduzindo os impactos globais provocados pela queima dos resíduos sólidos urbanos. A contribuição ambiental mais relevante é a redução de emissões dos gases de efeito estufa (GEE), por meio da conversão do metano em dióxido de carbono, visto que o metano possui um potencial de aquecimento global cerca de 21 vezes maior, quando comparado ao dióxido de carbono (através da combustão do mesmo). De acordo com o Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL), os países ricos podem comprar créditos de carbono (CERs) dos países em desenvolvimento (que possuam projetos sustentáveis) para cumprir suas metas ambientais. O objetivo é transformar um passivo ambiental (destinação final dos resíduos sólidos urbanos) em um recurso energético, além do estudo da alternativa de obtenção de recursos financeiros através dos CERs. São analisadas as tecnologias de conversão energética (tecnologia de gás de lixo, incineração, entre outras), com a seleção da melhor alternativa para a geração de energia através do biogás de lixo em aterros sanitários. A metodologia utilizada é a recomendada pela Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos - USEPA (2005). Serão apresentadas outras duas metodologias de cálculo da geração de metano: a do Banco Mundial e a do IPCC (Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas). São apresentados estudos comparativos demonstrando quando as turbinas a gás, motores de combustão interna (ciclos Otto ou Diesel) ou outras tecnologias de conversão energética serão viáveis na área técnica e econômica para implantação de Unidades Termoelétricas a biogás. No caso do Aterro de Gramacho, o projeto é viável com a utilização de motores a combustão interna e a obtenção de receitas com a venda da produção de energia e créditos de carbono. Por fim, será apresentada a alternativa do uso do biogás como substituto do gás natural para fins energéticos ou outros fins industriais. Palavras chave: Aterro Sanitário, Biogás, Energia Elétrica, Resíduos Sólidos Urbanos, Avaliação Econômica e Sustentabilidade.

Download do Trabalho